Romeiros passam pela “Porta da Misericórdia” no Santuário de Liberdade

26/07/2016 20:01

Manhã abençoada de domingo, 24 de julho, para peregrinos que visitaram o Santuário Bom Jesus do Livramento. Acompanhados do seu pastor, Padre João de Souza, vieram mais de 50 romeiros da Paróquia Senhor Bom Jesus do Bonfim, da cidade de Aracitaba. Também estiveram presentes grupos de pessoas de Angra dos Reis e Lídice, no Estado do Rio de Janeiro, e de outras cidades.

Objetivo dessas peregrinações, experimentadas durante o ano por centenas de pessoas, tem sido  a vivência do Ano Santo, desejada por Papa Francisco. Fazendo pequena e silenciosa caminhada,  ao som do dobrar de sinos, saíram os romeiros  de grutinha particular  existente perto da Matriz  e dedicada a Maria  (Mãe da Misericórdia). Homens e mulheres, emocionados e com fé, atravessaram a Porta  da Misericórdia instalada na entrada principal do Santuário. Era visível nos seus  rostos  a emoção de, entrando no templo pela  porta santa, estarem  se sentindo como que abraçados pela misericórdia de Deus.

Na sequência, participaram ativamente da Santa Missa presidida por Padre João, amigo  da paróquia e natural do vizinho município de Bocaina de Minas e visitaram a imagem do Bom Jesus do Livramento que representa a atitude misericordiosa de Jesus ao se encaminhar  em direção à cruz e  se entregar para remição da  humanidade.

O ato de peregrinar foi posto por Papa Francisco no documento “Misericordiae vultus” (o rosto da misericórdia) como um dos sinais particulares do Ano Santo porque simboliza o caminho que cada pessoa faz durante sua existência. A própria misericórdia é uma meta a ser alcançada e exige empenho e sacrifício.  “Todos somos romeiros do céu”

(Fonte: Subsídio Litúrgico – Celebrar a Misericórdia)

 

 

Voltar