Salve Rainha, Mãe de misericórdia!

25/04/2016 18:00

Salve Rainha,

Mãe de misericórdia!

 

    O mês  de maio é  especial e  tradicionalmente  dedicado  às  mães que   Deus escolheu para nos gerar, criar, educar, proteger e amar.  É o mês de MARIA, a mãe de Jesus!  Ela é a Mãe do Puro Amor. Maria é promessa e esperança, é ternura e solidariedade, é bondade e amor. “Ela é Mãe da misericórdia, porque gerou no seu ventre o próprio Rosto da misericórdia divina, Jesus, o Emanuel, o Esperado de todos os povos, o «Príncipe da Paz» (Is 9, 5). O Filho de Deus, que se encarnou para nossa salvação, deu-nos sua Mãe que se faz peregrina conosco, para nunca nos deixar sozinhos no caminho da nossa vida, especialmente nos momentos de incerteza e sofrimento.” (Pp Francisco). Concretamente, por Ela nos veio o Salvador. Sem dúvida, o papel de Maria na vida da Igreja é o de Mãe. A Igreja, como o Cristo, nasce no seu regaço: “Esta maternidade de Maria na economia da graça perdura sem interrupção, desde o consentimento que deu,  fielmente, na Anunciação e que manteve inabalável junto à cruz, até à consumação eterna de todos os eleitos” (LG, 62). “Todos unidos pelo mesmo sentimento, entregavam-se assiduamente à oração, em companhia de algumas mulheres, entre as quais Maria, a Mãe de Jesus e de Seus irmãos” (At 1,14). O Evangelista São Lucas destaca  a pessoa de Maria, a única que é recordada com o próprio nome, além dos apóstolos.  Ela está presente na Igreja nascente, com perseverança na oração e concórdia no amor. Faz o papel de mulher e de Mãe. São Lucas, também, faz questão de apresentar explicitamente Maria como “a mãe de Jesus” (At. 1,14) dizendo que algo da presença do Filho, que subiu ao céu, permanece na presença da Mãe.

    Neste mês de Maio, no dia 15, teremos a solenidade de pentecostes, quando celebramos a  força do Espírito Santo na vida da Igreja  e, no dia 26,  a  festa de Corpus Christi celebrando a presença real de Jesus na comunidade reunida. Portanto, durante este mês estaremos unidos em oração com Maria, a  Mãe de  Jesus, esposa do Espírito Santo, nos alimentando do pão  do céu,  que  é  o próprio Jesus.

O Santuário Senhor Bom Jesus, a exemplo de Maria, estará de braços abertos para acolher sempre os devotos romeiros e peregrinos para essa experiência de Deus. Que Maria, a mãe da misericórdia, interceda por você, amigo paroquiano, devoto, colaborador da evangelização e leitor do Site.

Voltar